Home / DESTAQUE / Centro Comercial Popular será inaugurado em setembro

Centro Comercial Popular será inaugurado em setembro

 

O projeto, denominado de Pacto da Feira, busca organizar e requalificar o comércio ambulante das ruas centrais da cidade.
Centro Comercial Popular será inaugurado em setembro
Foto: Secom/PMFS

Em ritmo acelerado, as obras do Centro Comercial Popular, que vêm sendo executadas no Centro de Abastecimento, através de uma Parceria Público-Privada, deverão ser entregues à comunidade em setembro. Orçada em 50 milhões, a iniciativa é resultado de incessantes discussões que envolveram todos os segmentos organizados do Comércio da cidade.

Em visita técnica realizada ao canteiro de obras do equipamento, sexta-feira (19), os dois últimos comerciantes permissionários dos galpões de artesanato foram transferidos para um espaço alugado pela Prefeitura Municipal para acomodá-los, às proximidades da Ceasa.

O ato foi acompanhado pelo secretário do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico, Antônio Carlos Borges Júnior, quando recebeu a confirmação do engenheiro responsável pela execução do projeto do Centro Comercial Popular, Rodrigo Miranda, de que as obras se encontram dentro do cronograma estabelecido, e que o novo entreposto será inaugurado no mês de setembro.

O projeto, denominado de Pacto da Feira, busca organizar e requalificar o comércio ambulante das ruas centrais da cidade e abrigar cerca de 2 mil trabalhadores informais em boxes individualizados, dentro de um complexo arquitetônico dotado de conforto e moderna infraestrutura .

Galpão de Peixes abrigará 19 permissionários

Na oportunidade, Borges Júnior também visitou as obras de construção do galpão que abrigará dezenove permissionários que comercializam com pescados e mariscos. Divididos em boxes individualizados, o setor será dotado de balcões-frigorífico, pias inox e água corrente.

“Trata-se de uma intervenção indispensável, tanto sobre o aspecto higiênico, quanto à adequação das áreas do Centro de Abastecimento ao projeto arquitetônico do Centro Comercial Popular”, esclareceu Borges Júnior.

Veja Também

Ilhéus: adolescente é estuprada por jovens ao pedir ajuda

Uma adolescente de 15 anos afirma ter sido vítima de um estupro coletivo no município ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *